InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [FP] Jack Napier Kerr

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Jack Napier Kerr

avatar

Mensagens : 1
Data de inscrição : 01/11/2012

MensagemAssunto: [FP] Jack Napier Kerr   Qui Nov 01, 2012 10:39 pm

Jack Napier Kerr
NOME COMPLETO
Joseph Jack Napier Kerr
IDADE
Sessenta Sete anos(Aparência de Vinte e Sete anos)
DATA DE NASCIMENTO
Desconhecida
CIDADE NATAL
Desconhecida
SEXUALIDADE
Heerossexual
OCUPAÇÃO
Especialista Forense - Situação atual: Desempregado
PAIS
Desconhecidos
IRMÃOS
--
GRUPO
Vampiros
Photo Player
Heath Ledger
personalidade
Um sorriso sedutor, nos gestos e uma incrível audácia. Talvez, se tivesse tido alguma chance, poderia ter sido um vigarista ou uma pessoa feliz, mas sua mente nunca o deixou. Já fui estudante e professor, porém a sanidade me deixou. De tanto manipular e deixar os outros malucos, “trabalho” que exerço quando comecei nessa vida árdua de vampiro, creio que roubei um pouco daquilo para mim. Raramente irá me ouvir falar do meu passado à não ser que você seja um cadáver e eu esteja bêbado, não que vampiro possam ficar, nunca vi um de fato, mas mentir faz parte da vida e não escondo isso de ninguém, minha sorte é que as ações que tenho fazem com um aviso bem grande pisque dizendo “ cuidado –Psicopata”, não que eu seja um, muito pelo contrário, eu apesar de ter os sintomas ainda tenho algo dentro de mim que não seja somente o vazio, algo que está ligado ao meu passado que não consigo lembrar. Admiro os sentimentos e o modo como eles podem ser criados, antecipados e atiçados. O ser humano e até mesmo os outros vampiros são de alto....Interesse para meu pobre e vulgar ser.
aparência
Minhas descrições? É impossível de denominar. Enfim, olhos claros, pele branca e estatura levemente alta com um corpo bom apesar de antes de ser transformado apresentar um leve tumor no pulmão graça aos dois maços de cigarro que eu fumava desde os doze anos, - coisa que sinto falta até o hoje -. Sem tatuagens e cabelos à qual muda uma vez a cada cinco anos.
Roupas leves e simplórias, nada muito cara por mais que dinheiro não me falte; e como todos aqueles ”adultos” que se prezem ainda aceito tomar uma ou duas xícaras de café pela sensação de cafeína apesar de odiar o cheiro do hálito após.
história


Passado...Passado...Passado. Teria eu uma família à procura de mim? Obviamente não, estão todos mortos creio eu.

Até meus vinte anos de existência tudo era uma bola de neve simples e normal. Tinha as guerras, escritórios, filhos, esposa ou qualquer coisa assim, gosto de pensar, faz minha existência como humano parecer frívola e sem graça e serve para me lembrar o porque de todos sorrirem tanto. O fato é que não me lembro e no máximo tenho lapsos de memórias sobre o restante da minha vida e o máximo que consigo é lembrar de uma dor intensa no pulmão causada, obviamente, por um câncer que teria me matado em dez ou vinte anos. Quem se importa?

Teria sido eu um ladrão importante? Com planos mirabolantes, extremamente interesseiros na busca por dinheiro e mais dinheiro? Talvez sim. Talvez eu tenha sido um criminoso mas não creio que tenha sido tão estúpido a ponto de me prender em dinheiro, todos os que eu conheço acabam morrendo mais cedo ou mais tarde, mas levando em conta que eu também teria este corriqueiro destino não irá me surpreender tal coisa.

Acordei um dia e apenas decidi sobreviver e não viver, vagar sem rumo. Ninguém havia deixado bilhetes, somente alguns corpos mutilados em um contêiner e um homem, no caso eu, em meio a dois centímetros de sangue durante três dias enquanto tentava entender o que passava. No começo ainda não tinha consciência, era apenas mais um robô do mundo, só mais um para encher a Terra, não que eu seja algo hoje, mas ao menos não era aquele homem.

Após cinco dias uma mulher veio me buscar, ela me ensinou e me criou, porém tive de mata-la. Foi uma necessidade, não um ato banal. Às vezes quando começam sentimentos surgem as coisas simplesmente ficam perigosas, mas ao menos ela deixou uma pista de meu passado : Uma foto. Nada de mais, diria alguns, mas ironicamente é a única coisa que ainda desperta algo que não seja a mistura de interesse e desprezo. Uma criança de no máximo sete anos que se minha criadora estivesse certa, eu a tinha matado em um momento de descontrole.

Crianças nunca foram meu ponto fraco, mas tinha uma conexão. Talvez uma filha, sobrinha, irmã, qualquer coisa. Aquela criança é a única coisa que me arrependo e a única coisa que consigo remoer do passado.
As inscrições atrás da maldita foto eram claras, uma cidadezinha malacafenta – em minha opinião – no fim do mundo onde todos são felizes, a juventude faz suas besteiras imitando o espirito livre dos anos 50, e que é cheio de risadas, gritos, e claro, Vampiros.
Phanton .17 . Google . WILSOOOOON!
MADE BY AVEY AT ATF!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Central
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 204
Data de inscrição : 02/02/2012

Ficha do Mundo Mistico
Raça: Humanos
Historia:
Pertences:

MensagemAssunto: Re: [FP] Jack Napier Kerr   Sex Nov 02, 2012 10:25 am

Selecionado (:

_________________
“Onde a líder de torcida é uma vampira, o professor de história é um caçador de vampiros, e o filho da prefeita é um híbrido. Nada é sempre o que parece em Mystic Falls, e nada pode nós dizer que o futuro reserva.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mysticalfalls.forumeiros.com
 
[FP] Jack Napier Kerr
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Missão Privada Rank C] O "Bunshin" Maluco do Jack
» Michaelis Jack sons - Assamita
» Spoiler 809 - jack Bilionário
» Jack Hunter Vingativo
» Jack Hunter - Nosferatu - Camarilla

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Geral :: Ficha de Inscrição ~-
Ir para: